Sexta-feira
12 de Agosto de 2022 - 

STANCHI & OLIVEIRA

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .
Japão 1,86% . . . .

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
21ºC
Min
19ºC
Chuvas Isoladas

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
22ºC
Min
18ºC
Predomínio de

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
24ºC
Min
17ºC
Predomínio de

Segunda-feira - Rio de Jane...

Máx
25ºC
Min
18ºC
Predomínio de

Controle de Processos

Presidente Carlos França instala a 4ª Vara Criminal de Aparecida de Goiânia; em menos de três meses, foi a segunda unidade judiciária instalada na comarca

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), desembargador Carlos França, instalou, na tarde desta sexta-feira (24), a 4ª Vara Criminal da comarca de Aparecida de Goiânia, instituída por meio do Decreto Judiciário n.º 1.179/2022. É a segunda instalação de uma unidade judiciária na comarca em três meses- no mês de março foi instalada a 3ª Vara de Família e Sucessões. O corregedor-geral da Justiça do Estado de Goiás, desembargador Nicomedes Domingos Borges, também participou da solenidade, realizada presencialmente, no Fórum Central de Aparecida de Goiânia. “Pela segunda vez em três meses temos a feliz oportunidade de instalar uma nova unidade judiciária nesta importante comarca, agora na área criminal”, lembrou o presidente do TJGO, desembargador Carlos França. Ele destacou a importância da nova unidade para o Poder Judiciário Estadual, para a comarca de Aparecida de Goiânia e para a sociedade local. O chefe do Poder Judiciário também enfatizou que,  com a presença de mais uma unidade judiciária criminal, o Estado se faz presente, por meio da atuação de magistradas, magistrados, Ministério Público,  Defensoria Pública e da classe advocatícia. “Já era hora de efetivarmos a instalação da 4ª Vara Criminal de Aparecida de Goiânia, pois ccomparativamente, e de forma proporcional, é onde acontece a maior distribuição de novos casos na área criminal no Estado”, destacou o desembargador Carlos França. Durante a solenidade de instalação da nova unidade, a diretora do Foro de Aparecida de Goiânia, juíza Karinne Thormin da Silva (foto abaixo), destacou que o desenvolvimento urbano e o crescimento populacional do município implicam no crescimento das demandas da população e da estrutura do Poder Judiciário local. “O desembargador Carlos França administra o TJGO com sensibilidade e expertise, ao propor alterações estruturais e necessárias para o Poder Judiciário goiano, a fim de equalizar as várias distorções criadas em função do crescimento acelerado de algumas cidades de Goiás”, ressaltou a magistrada. Verdadeira gestão da coisa públicaO titular da 1ª Vara Criminal de Aparecida de Goiânia juiz Rodrigo Rodrigues de Oliveira e Silva Prudente (foto abaixo), na ocasião representando o respondente da 4ª Vara Criminal local, juiz Gabriel Lisboa Silva e Dias Ferreira, informou que a nova unidade judiciária será responsável por julgar os litígios relacionados ao crime de latrocínio, tráfico de drogas, roubo de cargas e veículos, fraudes eletrônicas, crimes contra a licitação pública em geral, além de temas de maior urgência como estupro de vulneráveis. Ele também acentuou, de forma elogiosa, o dinamismo do presidente do TJGO, desembargador Carlos França, “que teve a ousadia de fazer a verdadeira gestão da coisa pública, desinstalando unidades ociosas e aparelhando locais com maior demanda populacional”, destacou. O presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)  de Aparecida de Goiânia, Sebastião Justo Neto, também presente na solenidade, afirmou que “a instalação da nova unidade  traz esperança e inovação, não apenas para a magistratura, mas também para a classe da advocacia criminal e para os jurisdicionados”.   Olhar humano Para o defensor público geral de Goiás, Domilson Rabelo da Silva Júnior, a instalação da nova vara criminal em Aparecida de Goiânia reflete a competência e o olhar humano do chefe do Poder Judiciário Estadual, desembargador Carlos França, ao enfrentar as persas demandas públicas e identificar os gargalos para a evolução da prestação jurisdicional”. Ele ainda destacou que tal dinâmica de gestão engrandece o sistema de Justiça e eleva a qualidade da prestação de serviço à população também em outros órgãos e instituições.“É um momento de comemoração para a cidade de Aparecida de Goiânia receber, em menos de três meses, a segunda instalação de uma unidade judiciária”, comemorou o procurador do município de Aparecida de Goiânia, Fábio Camargo, na ocasião representando o prefeito  Vilmar Mariano. Ele ressaltou o crescimento populacional do município, que nos últimos vinte anos teve um aumento da população da ordem de 80%, ampliando de 300 mil habitantes, no início dos anos 2000, para 600 mil atualmente.Compuseram, ainda, a mesa de autoridades na solenidade de instalação da 4ª Vara Criminal da comarca de Aparecida de Goiânia, as juízas auxiliares da Presidência, Jussara Cristina Oliveira Louza e Sirlei Martins da Costa, bem como os juízes auxiliares da Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Goiás (CGJGO), Altair Guerra da Costa e Gustavo Assis Garcia, e o diretor do Foro da comarca de Goiânia, juiz Heber Carlos de Oliveira.Também estiveram presentes as juízas Lilian Margareth da Silva Ferreira e Stefane Fiúza Cançado Machado; o juiz Hamilton Gomes Carneiro; o diretor-geral do TJGO, Rodrigo Leandro da Silva; o diretor Judiciário do TJGO, Divino Pinheiro Lemes, além do delegado da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil, Álvaro Melo Bueno, do comandante do 2º Comando Regional da Polícia Militar do Estado de Goiás, tenente coronel  Marcus Tadeu Vieira Nóbrega, bem como a titular do Cartório de Registro de Imóveis e 1º Tabelionato  de Notas de Aparecida de Goiânia, Maria Elias Melo, e o procurador da Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia, Vitor Hugo, representando na ocasião o presidente daquela Casa de Leis, vereador André Fortaleza. (Texto: Carolina Dayrell /Fotos: Acaray Martins – Centro de Comunicação Social do TJGO) Veja a galeria de fotos
24/06/2022 (00:00)
Visitas no site:  16328004
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia